Nota Fiscal: Conheça os riscos de não emiti-la

Notaaa Notícias E Artigos Contábeis Em Santos | Portal Contabilidade - PORTAL CONTABILIDADE

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Tão comum na rotina do mercado atual, a nota fiscal ainda gera dúvidas em empresários e futuros empreendedores. Afinal, nem todos sabem quais são os tipos de notas fiscais e qual o risco de não emitir. Então, neste artigo vamos abordar sobre esse tema. Confira:

Sem dúvidas, é um assunto de suma importância para quem tem ou deseja abrir seu próprio negócio.

Afinal, quais os riscos de deixar de emitir nota fiscal?

Primeiramente, antes de responder ao questionamento, é válido entender sobre os tipos de notas fiscais.

O que é nota fiscal?

Entenda, após se planejar uma empresa, é necessário passar pelo procedimento de certificação digital.

Em resumo, o certificado digital é uma espécie de validação que assegura a validade da assinatura eletrônica.

Ele é necessário para empresas que precisam emitir a Nota Fiscal Eletrônica, pois garante a identidade da pessoa jurídica emissora.

Entendido este tópico, podemos avançar para explicar o que é e quais os principais tipos de notas fiscais.

A nota fiscal é aquele documento que registra a compra de um bem ou serviço, ou ainda transferência de um item, bem ou patrimônio.

Em sumo, ela é o documento que registra a transação comercial realizada.

Principais tipos de notas fiscais

Embora o documento tenha fins e natureza similar, há tipos diferentes de notas.

Confira abaixo

Nota fiscal eletrônica (NF-e);

Nota fiscal de serviço eletrônica (NFS-e);

Nota fiscal do consumidor eletrônica (NFC-e);

Conhecimento de transporte eletrônico (CT-e).

Para que servem?

Note que uma das principais funções da nota fiscal, seja ela do tipo que for, é possibilitar que o governo fiscalize o pagamento de impostos e tributos dos empreendimentos formalizados.

As empresas que não emitem nota fiscal deixam de cumprir o que manda legislação.

Embora algumas façam isso sem má fé, ou intuito de esconder seu faturamento, as empresas que deixam de emitir notas  podem ser tidas como sonegadoras de impostos.

O que diz a lei?

A lei 8137/1990 cita que constitui crime contra a ordem tributária suprimir ou reduzir tributo, ou contribuição social e qualquer acessório, mediante as seguintes condutas:

I – omitir informação, ou prestar declaração falsa às autoridades fazendárias;

II – fraudar a fiscalização tributária, inserindo elementos inexatos, ou omitindo operação de qualquer natureza, em documento ou livro exigido pela lei fiscal;

III – falsificar ou alterar nota fiscal, fatura, duplicata, nota de venda, ou qualquer outro documento relativo à operação tributável;

IV – elaborar, distribuir, fornecer, emitir ou utilizar documento que saiba ou deva saber falso ou inexato;

V – negar ou deixar de fornecer, quando obrigatório, nota fiscal ou documento equivalente, relativa a venda de mercadoria ou prestação de serviço, efetivamente realizada, ou fornecê-la em desacordo com a legislação.

A lei diz ainda que é crime a sonegação e a pena em caso de descumprimento pode ser de reclusão de 2 (dois) a 5 (cinco) anos, e multa que o sonegador deverá pagar por omitir documentos fiscais.

Portanto, emitir nota fiscal é a única maneira de evitar algumas dores de cabeça.

Pode-se resumir que, além de algo necessário para boa gestão empresarial, emitir o documento é ação necessária para evitar problemas legais, relacionados com a sonegação de impostos.

Toda empresa deve estar preparada para emissão de notas fiscais como manda a lei.

A emissão de nota fiscal é obrigação, bem como o recolhimento de devidos impostos para não se ter problemas com a Receita Federal ou Justiça.

Vale ressaltar também: o empresário precisa saber que o cupom fiscal não substitui a necessidade de emissão de notas.

Como emitir notas fiscais?

Sem dúvidas, a melhor forma de realizar a emissão deste documento é utilizando um bom software.

Destaca-se a possibilidade de uso de um ERP online.

Esse tipo de tecnologia permite funcionalidades variadas que otimizar o trabalho em empresas de todos os portes e segmentos.

O ERP online mais completo do mercado possibilita o uso até gratuitamente.

Em caso de dúvidas sobre os procedimentos relacionados com as notas, também é válido consultar um profissional da contabilidade.

Fonte: FoxManager

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

N 46627 9306c246453aa856c788698f5f3b8954 - PORTAL CONTABILIDADE

CNPJ: Ferramenta simplifica fornecimento de dados

Uma solução tecnológica para simplificar o processo de fornecimento dos dados armazenados na base de dados do Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ). Esse é o b-CNPJ, ferramenta desenvolvida pela Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev) em conjunto

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
A Secretaria Nacional de Defesa do Consumidor (Senacon) e representantes…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top
Open chat